Brasão

Brasão Ac PR Letras Final

Criação artística de João Pamphilo d’Assumpção, fundador da cadeira nº 7. Leitura heráldica de Ernani Costa Straube, da cadeira nº 12. Escudo oval, trazendo em campo azul, a representação de uma pena de prata em pala, com o raque terminando superiormente em galhadas de pinheiro-do-paraná (Araucaria angustifolia), em verde, acompanhada, à sinistra da constelação do Cruzeiro do Sul, em prata. A pena suplanta a ponta do escudo, cujo cálamo se superpõe a uma faixa azul com a expressão “Semper Excelsior” em prata, ficando tudo sobre a representação de um livro aberto, de prata, bordado de preto, com marcador de azul. Bordadura de azul, carregada de pérolas de prata. Como timbre, a representação de uma máscara indígena, sainte, em prata e azul. Lambrequim constituído de ramos e frutos de pinheiro-do-paraná, nas cores naturais, cruzantes na ponta e sobre o livro e cálamo. O brasão é circundado na metade superior pela expressão: “Academia Paranaense de Letras”, em preto.