Conclamação

Não é aceitável permanecer silente, imobilizado, indiferente perante o oportuno clamor público, de sul a norte do Brasil, contra a avassaladora corrupção de que tomamos conhecimento em todos os dias do ano. A ACADEMIA PARANAENSE DE LETRAS se julga no dever de, mais que prestar solidariedade, colocar-se também à frente desta indignação brasileira da mais justa expressão. Como essa nódoa provém de onde não poderia existir, de Ministérios e até do Congresso Nacional, com toda a sua força de intimidação que malogradamente aprenderam a exercer, inclusive contra a Presidência da República, é preciso que nós todos, cidadãos comuns, consigamos nos unir, para que fique cada vez mais evidente estarmos cientes e conscientes de tal degradação e da necessidade de reagir. De nossa parte, membros da ACADEMIA PARANAENSE DE LETRAS, a nossa arma é o Verbo e é como podemos exercer a nossa parte nesta grande reação do povo, conclamando que as demais forças venham, sem esmorecimentos, a se incorporar neste imenso movimento.

Curitiba, 7 de setembro de 2011

EDUARDO ROCHA VIRMOND
Presidente
Academia Paranaense de Letras

Luís Guilherme Bergamini Mendes, administrador do site da APL, é Engenheiro de Computação formado pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná. Mantém o site da APL desde 2001.

Publicado em Geral